terça-feira, 12 de janeiro de 2016

A viagem


Hoje saio para o mar, á noite
Saio só, chorando a saudade
Olhando a noite escura
Esperando
Ver a estrela que lá brilha
Com o seu sorriso
Chamando-me
Sigo a minha viagem na escuridão
Olhos toldados do salgado mar
Lágrimas de dor
A estrela que lá em cima brilha 
Sorri pedindo colo
E eu choro de impotência
Estendo os braços e abraço o vazio
A noite estende-se
A viagem chegará ao fim
Um dia

Jimmy, 13 de Janeiro de 2016

Sem comentários:

Publicar um comentário

Nobita escreveu: